sábado, 8 de setembro de 2012


Deixe que o beijo dure.
Deixe que o tempo cure.

Nós vivemos construindo muros e pondo obstáculo nas nossas vida, 
como se viver já não fosse um desafio.

quinta-feira, 6 de setembro de 2012

terça-feira, 4 de setembro de 2012


Não aceite migalhas, porque amar não significa agarrar vestígios de uma ilusão. Se cure da insegurança. Não viva porque alguém que vive muito bem ou até melhor sem você. Se ame primeiro. Por completo. Mas se ame profundamente, como se não pudesse viver sem você.

domingo, 2 de setembro de 2012


Outra vez deixo o coração ultrapassar a razão.
E mais uma vez, abraço a ilusão, seguida de decepção.

Tá tudo errado, tá tudo bagunçado. Tá tudo diferente.
E eu não sei onde estou, não sei o que pensar.
E outra vez sentindo quando não deveria sentir.

Eu ando procurando a felicidade do lado contrário, quando não se deve procurar. Eu ando caçando o amor, quando não se pode caçá-lo. O desespero batendo na porta e eu o deixando entrar e torna-se parte da casa. E eu fazendo da solidão um aliado, quando ele é meu pior inimigo.

Não guarde rancor, guarde sorrisos.
o mais leves e fazem bem ao coração.